quinta-feira, 29 de maio de 2008

Terras do Suão '2003

Tinto alentejano (D.O.C.) produzido pela Cooperativa Agrícola de Granja. Costumo gostar muito dos vinhos que eles fazem. Infelizmente, este foi excepção.


Cor granada, denotando evolução.

Aromas a fruta muito doce e especiarias, também em compota e provavelmente em passa, com a inegável presença de um traço acre, bafiento até, (forte acidez volátil; convém decantá-lo pelo menos um par de horas) que, com o devido arejamento, se converte em cacau amargo.

Enche a boca de fruta doce, com acidez bem vincada e um incontornável traço de oxidação. Encorpado, dotado de bons taninos, longos e firmes; álcool bem integrado.

Final de fruta abafada e doce, talvez em compota, talvez apenas sobremadura, de persistência razoável.

Não é mau, mas estava à espera de mais.

Custou à volta de de 7€.

14