quarta-feira, 4 de junho de 2008

Velharias (3)


(Sem título — 21/7/2005)


-


Somos jovens arrogantes.
Esquecemo-nos do mundo e desconhecemos o céu.

Que tudo o que vai, volta.

Jamais sejas cruel para com aqueles por que nutres sentimentos humanos.
E sê humano para com todas as criaturas vivas.