quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Vallado '2006

Este tinto DOC do Douro vem da Quinta do Vallado e foi feito com uvas das castas Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Amarela, Tinta Barroca, Tinta Roriz e Sousão.

Cor rubi concentrada.

O nariz é mato que seca ao sol — cheio de flores e feno, com rabo-de-gato e camomila, esteva e rosmaninho, o picor da lavanda e sugestões de fumo — envolto em balsâmicos refrescantes, com uma ponta de chocolate.

Pena que a boca, algo acerba, de sabores verdes, acídulos, penda um bocado para o lado do álcool — não por defeito de estrutura: antes, talvez, por certa magreza.

Melhor é o final, longo, onde, por fim, a fruta aparenta levar a melhor.

É um vinho com carácter, cheio de tipicidade — um tipo leva-o à boca e pensa isto só podia vir do Douro —, mas um bocado rústico. Foi bem com uns nacos de entrecosto assado.

Comprei-o a cerca de 7€.

Tenho de provar o Reserva.

15,5