sábado, 6 de dezembro de 2008

Grilos '2006

Da Soc. Agrícola do Casal de Tonda (Tondela), agora parte da Dão Sul. Um pouco de história, tal como surge aqui, contada pelo produtor:


«A marca da Quinta dos Grilos é sobejamente conhecida dos enófilos portugueses, dando nome a um vinho do Dão, produzido na pequena aldeia de Tonda, desde meados da década de noventa.

O seu proprietário era o Dr. Manuel Ferraz da Costa, que a partir de 1988 deu início a um projecto vitivinícola com a criação da empresa Sociedade Agrícola do Casal de Tonda, S A .

Em Setembro de 2001, nas vésperas de mais uma vindima, um dos accionistas da Dão Sul adquiriu todas as parcelas de vinha da dita sociedade aos herdeiros de Ferraz da Costa, iniciando, então, mais um projecto de produção de vinhos de quinta na região do Dão.

A área de vinha ronda os 17 hectares , distribuída por 7 parcelas distintas, entre as quais a Quinta dos Grilos, que os novos proprietários decidiram adoptar como nome genérico de todas as parcelas de vinha.»




Feito de uvas das castas Touriga Nacional, Aragonês e Alfrocheiro, estagiou meio ano em barricas de carvalho francês. Aos interessados, o produtor disponibiliza a sua ficha técnica aqui.

Para isto ficar como de costume, só falta dizer que tal me pareceu...

No copo, densa cor rubi. Ataque verde vegetal de feno fresco, a fazer lembrar este. Muito jovem. Depois, cereja ultramadura, ginja e chocolate preto, numa segunda vaga que se estende a todo o comprimento do vinho. Robusto e concentrado, apresenta certa pujança alcoólica, mas a fruta aparece sempre generosa o suficiente para a suportar. Boa acidez — que aqui e ali parece libertar uns pozinhos especiados. Muitos taninos que ainda precisam de tempo. Final razoável.

4€ — RQP imbatível, ou quase.

16