segunda-feira, 23 de março de 2009

Encosta de Mouros — Garrafeira '1999

Garrafa nº 55787 de 59997 produzidas pela Adega Cooperativa da Mealhada, apenas a partir de uvas da casta Baga. Nada consegui apurar relativamente ao estágio a que terá sido sujeito. Tem 13% de volume alcoólico.

No copo, a cor granada (a acastanhar) de concentração ligeira a mediana surgia com ligeira turbidez, indicando o vinho poder já estar em declínio.

No nariz, aquilo que se me afigurou como uma delgada película de flores e fruta muito transformada abria o caminho para sugestões doces de caramelo, xaropes de açúcar e malte, massas de bolos em cru e um pouco de cabedal. Em suma, bouquet suave e pouco amplo.

Na boca, discreta de dimensões e persistência, quase despojada de fruta e com um piquinho acídulo um pouco irritante, os sinais de velhice excessiva eram mais evidentes. Por fim, há que salientar que, talvez curiosamente, os taninos deste vinho nunca arredondaram por completo...

Gosto muito da Bairrada e sou fã da casta Baga e dos longevos vinhos em que por vezes se converte, mas este exemplar não me convenceu. Acontece!

Custou 5€.

12