sábado, 27 de novembro de 2010

Castelo Rodrigo — Síria '2008

Depois deste e deste, outro varietal Síria da zona de Figueira de Castelo Rodrigo. Foi vinificado em inox, a temperatura controlada, tendo terminado a fermentação em barricas de carvalho francês com remontagem das borras finas. Abri a garrafa nº 8944 de 13500 produzidas.

Cor como na foto. Nariz discreto, tropical, a evocar ananás, maracujá, banana seca e papaia, junto com vagas notas, doces e pesadas, reminiscentes de citrinos muito maduros, algo como tangelo "minneola" misturado com kumquat. Tem corpo médio em dimensões e firmeza, para o que muito contribui uma boa dose de acidez verde, excessiva para o gosto convencional, talvez, isto se tal coisa realmente existe. O álcool está bem integrado. No mais, é curto e apresenta agulha residual.

Não desgostei; fiquei curioso quanto a como virá a ser daqui a dois anos.

4€.

15