domingo, 20 de fevereiro de 2011

Adega de Pegões — Touriga Nacional '2008

Cor carmim. Desde cedo lhe notei intenso cheiro a bergamota, dos mais límpidos de que me lembro, a destacar-se dos seus pares, todos eles aromas customeiros dos Touriga novos e todos eles de boa qualidade: as cerejas e ameixas num estado de maturação adequado, o álcool bem integrado, as violetas presentes mas discretas, bem fundidas com especiarias quentes e fumados de madeira nova. A boca cheia e bastante equilibrada, apesar dos taninos jovens, de sabor firme e complexo, a fazer lembrar chocolate amargo, um pouco picante no final. Numa palavra, rico.

Acompanhou uma arrozada de pato no dia da visita dos nossos amiguinhos fofinhos D & T. Faz tempo que não tocava num tinto da Adega de Pegões, e é com prazer que noto que o conteúdo das garrafas continua bom, se é que não melhorou, dado que, talvez a par deste, é o melhor varietal deles que me lembro de ter bebido.

5€.

16