quinta-feira, 12 de maio de 2011

Reguengos — Reserva '2008

Da Coop. Agrícola de Reguengos de Monsaraz. Ficha técnica, aqui.

Cor rubi. No nariz, ameixa e outras bagas negras, quase sumarentas, com toque firme de tosta e especiarias. Café, um pouco de tabaco e algum chocolate, como de costume, em crescendo com o arejamento, formam um conjunto ao mesmo tempo típico e convincente. Confirma-se na boca a fruta, o chocolate, a acidez sumarenta e a madeira bem integrada, tudo bastante equilibrado. O final é de comprimento médio, ligeiramente picante. Apesar de não chegar ao nível do de 2007, este também não está nada mal. Reparo que esta é a segunda edição consecutiva deste vinho em que o encontro objectivamente voltado para a frescura, sem qualquer indício de sobrematuração.

4€.

15,5