segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2012

Marquês de Marialva — Colheita Seleccionada '2008

O produtor ganhou no outro dia o prémio "Adega Cooperativa do Ano", integrado n' "Os Melhores do Ano", da Revista de Vinhos. Boa, pessoal, lol. Este tinto partiu de uvas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Baga de vinhas com idade superior a 30 anos, diz a ficha técnica, fermentou 5 dias a 25-30ºC e estagiou depois durante 4 meses em barricas de carvalho francês e americano.

Fruta preta, sobretudo ameixa, madeira, chocolate de leite, corpo. No bomb, but no flabby joe either — já sabem como me é difícil resistir a replicar destas pepitas de inspiração momentânea que às vezes ficam gravadas no caderninho negro do álcool. Por momentos, achei-o mais composto que este, de elaboração semelhante, pelo menos no papel: aparte o ano diferente, terá maior teor de Baga. . . e tudo o mais que terá ficado por dizer. É outro vinho, não liguem. Enfim, e para terminar, este vinho deixou-me muito bem impressionado, deu-me imenso prazer empurrar com ele umas alheiras de caça.

4€.

15