domingo, 25 de março de 2012

Quinta da Alorna — Verdelho '2010

Varietal Verdelho, foi obtido por prensagem directa das uvas inteiras, seguida de fermentação do mosto clarificado a 17ºC. Ainda segundo a ficha técnica que se pode consultar no sítio do produtor na internet, dele se encheram 7500 garrafas.

Servido a 10ºC. Cor pálida, jovem. Aroma de intensidade mediana, primeiro citrino com pontas vegetais, depois predominantemente tropical, repleto de notas de abacaxi e maracujá, que rapidamente revelaram ser a sua marca de identidade. Sabor, no entanto, sempre bem fresco, graças a uma acidez viva e bem integrada. No mais, pareceu-me tender para a mediania, tanto em dimensões como em intensidade. Em suma, deparei-me com um vinho completamente correcto, mas a que não encontrei grande chama.

5€.

15