domingo, 25 de novembro de 2012

UDACA — Touriga Nacional '2008


Monocasta Touriga Nacional, será o topo de gama da UDACA. As uvas, de cepas implantadas em solos graníticos, fermentaram a temperatura controlada, tendo o vinho daí resultante sido apurado em barricas de carvalho Allier Fino, Americano e Russo, durante um ano. O produtor faz questão de referir que o vinho ainda estagiou mais seis meses em garrafa antes de ser lançado no mercado, mas isso, agora, já não conta muito.

Bom aroma, rico em fruta doce e bonita, ainda com toque sumarento, não obstante certa dose de transformação verificada. Algum licor, especiaria discreta. Na boca é gordinho e alegre, com a fruta a fluir fixe, a mostrar-se sem reservas. O final, médio/longo. Apesar do equilíbrio desde já mostrado, a sua acidez e estrutura levam a crer que virá a ser, provavelmente, mais interessante no futuro, pelo menos para mim.

Acompanhou um substancial Stoofvlees — esta receita é apenas uma possibilidade — feito com alcatra e Leffe Brune, e acompanhado de batatas fritas, que não tinha outro remédio senão brilhar. Ora, Stoofvlees foi o predecessor da evolução que se verificou da versão 2.5 para 2.7 de um dos meus motores de xadrez favoritos, Deep Sjeng. Para os curiosos, a este respeito, isto poderá ter o seu interesse. Mas, mais uma vez, para os curiosos, tudo tem interesse.

8€.

16