quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Caves S. João — Reserva '2000

É macio e delicado, mas tem vindo a manter-se firme, de tal forma que sem esconder a idade que tem, não me pareceu ter apresentado, mais uma vez, indícios notórios de que esteja para morrer já.

Cheirou a couro, café e folha de tabaco seca. Aromas marcadamente terciários que ainda não se sobrepõem ao cerne de fruta que envolvem, fruta negra bem transformada, com compota e azeitonas.

Esta foi a garrafa nº 17799 de 59048 produzidas e acompanhou um jantar simples, daqueles que preparo para mim quando tenho de ser eu a cozinhar. Codornizes seladas na panela e acabadas no forno e cogumelos shimeji salteados com molho de soja.

Dias depois provei o do post seguinte.

7€.

16