sexta-feira, 1 de dezembro de 2017






A Couca (Cerejeira) é relevante porque foi lá que, após uma data de anos, voltei a nadar — ou isso.